Blog

Competitividade empresarial e inteligência competitiva

Você já se perguntou qual é o papel da inteligência competitiva e competitividade empresarial para a saúde e crescimento de uma empresa? Nosso artigo traz essas respostas. Confira!

Por Ana Souza - Redesign Consultoria
25/10/2017

Há muitos fatores que influenciam e determinam o grau de competitividade empresarial de um empreendimento de qualquer porte. Ter um correto diagnóstico sobre essa questão, aliás, é vital para a sobrevivência de uma empresa. E de antemão podemos afirmar que a única “receita” para manter uma empresa com forte atuação no mercado é cumprir com um esforço diário baseado no plano de inteligência competitiva voltado para as necessidades individuais do negócio.

Uma empresa não é uma ilha isolada. Ela está inserida em um ambiente em que divide espaço e recursos com outras empresas. Esse ambiente não é vasto e ilimitado; por conta disso, a competição nasce da disputa por consumidores entre empresas que oferecem serviços ou produtos similares.

A competitividade é uma grande motivadora para a inovação de um negócio. Afinal, a estagnação de uma empresa a torna vulnerável em um ambiente mercadológico onde há tanta disputa.

Daí surgem as perguntas: como vencer a concorrência? Como se sobressair e não ficar para trás em relação aos demais? Esses são apenas alguns questionamentos que devem estimular gestores a buscarem por um plano de inteligência competitiva e transformarem o seu negócio para melhor.

Porém, você sabe avaliar corretamente qual é o papel desta ferramenta para uma empresa? Já se perguntou se um plano sobre a competitividade do negócio deve vir apenas em momentos de crise, onde é preciso renovar e traçar novas estratégias? Vamos abordar alguns pontos relevantes para que você, gestor, comece a pensar sobre a competitividade do seu negócio sob uma ótica mais assertiva.

 

competitividade empresarial é uma corrida

 

Alguns fatos sobre a competitividade empresarial

 

Competitividade não é algo negativo

Embora o termo possa assustar alguns empreendedores, a competitividade deve ser encarada como um estímulo à inovação e criatividade, uma oportunidade para sair da zona de conforto e ser melhor em vários aspectos.

 

Pensar na competitividade apenas em momentos de crise é um erro

É um erro frequente que as empresas passem a se preocupar com a competitividade apenas quando as coisas não vão bem, ou quando o mercado se torna mais exigente. Este é um pensamento bastante equivocado, pois, já que o mercado está em contínua mudança, uma empresa que atualmente está em um bom posicionamento e possui boas condições de disputa pode também ser deixada para trás no momento seguinte.

 

Capacidade de mudança e adaptação são as principais características a serem valorizadas em uma empresa competitiva

Quando a empresa está disposta e busca por ações que promovam melhorias e soluções para os principais desafios encontrados, sua sobrevivência em um cenário desafiador se torna mais segura.

 

É importante conhecer os próprios pontos negativos e positivos

Conhecer o ambiente interno deve ser uma das principais preocupações de uma empresa que busca implementar um plano de inteligência competitiva. É justamente no cerne do negócio que as mudanças devem ter início. Buscar conhecer suas próprias debilidades e forças deve vir antes de buscar enfrentar os desafios do ambiente externo.

 

É preciso inovar com criatividade

Incentivar a criatividade e capacitar todos os setores da empresa para desenvolverem seu potencial de inovação é uma excelente maneira de buscar vencer os desafios do ambiente interno. Afinal, a criatividade é sempre um diferencial competitivo. Por isso, sem dúvidas esta é uma ação que merece investimento.

 

inteligência competitiva é a vitória da empresa

 

O verdadeiro valor da inteligência competitiva

A inteligência competitiva nada mais é do que um esforço para colher informações relevantes sobre o mercado de uma empresa, seus principais concorrentes, clientes, analisando tendências e buscando soluções para obstáculos que se apresentem durante esta análise. O objetivo principal é oferecer um novo olhar para a empresa sobre seu próprio negócio, motivando uma reorientação e redirecionamento para que ela possa atingir suas metas.

Esta é uma importante ferramenta de ação, e, como dissemos anteriormente, não deve ser encarada como um recurso a ser usado apenas quando for preciso reagir aos fatos (ou seja, quando a situação da empresa não está positiva).

O trabalho principal da inteligência competitiva é prever os movimentos da concorrência, e também traçar estratégias para antecipá-los. Investir nesse planejamento traz muitas vantagens, como:

 

– Identificar oportunidades e ameaças;
– Identificar erros e acertos (da própria empresa, e da concorrência);
– Obter conhecimento relevante para traçar uma boa estratégia competitiva;
– Prever e avaliar a repercussão das ações da empresa no mercado;
– Evitar ou minimizar surpresas vindas de concorrentes;
– Garantir a renovação da empresa;
– E muitos outros benefícios!

 

Ampliar a competitividade e sustentar o seu modelo de negócios é um desafio de toda empresa. Crescer em um mercado desfavorável é um desafio ainda mais urgente para as empresas brasileiras. Por esse motivo, a utilidade do plano de inteligência competitiva é inquestionável.

 

Como a consultoria de transformação pode ajudar?

O trabalho principal de uma consultoria empresarial como a Redesign Consultoria é ajudar empresas a se tornarem mais competitivas para alcançarem seus objetivos. Por isso, nosso trabalho é traçar um plano de ação e acompanhamento para que sua empresa possa sair da estagnação e se transforme!

Traçar um planejamento eficaz, aliado a ações com um propósito são a chave para agregar valor à competitividade empresarial, e nós podemos te ajudar! Pergunte como podemos ajudar a sua empresa através do formulário de contato, e nós ofereceremos um olhar personalizado para as necessidades da sua empresa. Experimente!

Compartilhar:

Facebook Twitter LinkedIn G+