Blog

Superando os desafios do intraempreendedorismo nas empresas

Você sabe o que é intraempreendedorismo? Sabe como atrair e reter funcionários intraempreendedores? Tire todas as suas dúvidas nesse artigo!

Por Redesign Consultoria
27/01/2018

Você sabe o que é intraempreendedorismo? Esse conceito define os colaboradores de uma empresa que apresentam as qualidades de um empreendedor – ou seja, pessoas com capacidade de criar e transformar os processos internos, identificar oportunidades e encontrar soluções criativas para qualquer tipo de impasse dentro da organização.

Toda empresa possui pessoas com potencial intraempreendedor. Portanto, criar um ambiente propício para que todas as pessoas sejam mais criativas e possam sugerir e experimentar novos caminhos é uma questão muito importante para negócios que desejam incorporar a inovação corporativa.

Ainda assim, atualmente é pequeno o número de gestores que enxergam em seus funcionários a máquina de ideias que toda organização ambiciona para se tornar mais inovadora e competitiva. E as consequências de deixar de lado o investimento no potencial inovativo de seus próprios funcionários são sempre muito negativas.

Portanto, hoje queremos falar um pouco mais sobre o intraempreendedorismo nas empresas. Como identificá-lo? Como estimulá-lo? Como reter funcionários com potencial intraempreendedor e mantê-los engajados? Você encontrará respostas para essas e outras perguntas a seguir.

 

como atrair intraempreendedores

 

Como atrair e reter funcionários intraempreendedores

 

O empreendedorismo não é um dom. Assim como a criatividade, ele pode ser ensinado e estimulado. No entanto, não podemos ignorar o fato de que, para ser bem sucedido, o profissional com perfil empreendedor precisa ter certa postura e características pessoais que o ajudem a superar os diversos desafios que certamente surgirão em sua vida profissional.

Identificar um funcionário com perfil intraempreendedor exige observação constante por parte dos gestores. É preciso conhecer bem seu corpo de funcionários, não apenas para cobranças atribuições de tarefas, mas também para reconhecer quando e como estimular cada perfil.

Veja algumas características que vão ajudar a identificar profissionais com esse potencial empreendedor:

 

Identificando um intraempreendedor

1- Intraempreendedores são incubadoras de ideias.

2- Antes mesmo de comentar a respeito de uma nova ideia, eles analisam e pensam em diferentes formas de colocá-las em prática.

3- Geralmente, ao compartilhar uma ideia, eles já possuem um plano de ação pronto.

4- Eles não têm medo de correr riscos e errar.

5- Eles não têm medo de quebrar a rotina.

6- O reconhecimento e a possibilidade de influenciar com liberdade são fatores motivacionais.

7- Dinheiro não é sua motivação principal.

8- Eles são autênticos, inquietos, questionadores, e possuem autoconhecimento suficiente para reconhecerem suas qualidades e limitações.

9- E, por último, intraempreendedores atraem outros intraempreendedores.

 

Como manter essas pessoas engajadas com a empresa

Estimular o intraempreendedorismo nas empresas exige a criação de um ambiente propício. Isso envolve o comprometimento por completo em adotar uma cultura de inovação em todos os setores da empresa.

Dois pontos muito importantes para manter esses profissionais são o apoio da gestão e o reconhecimento, fundamentais para que eles se sintam motivados.

Para atraí-los, a empresa precisa valorizar verdadeiramente a inovação. Um “teatro de inovação” pode ser uma armadilha para atrair intraempreendedores, mas certamente será um fator responsável para que ele acabe deixando a empresa.

Uma dica para estimular e motivar funcionários intraempreendedores e toda a cultura organizacional da empresa pode ser o investimento em palestras e workshops personalizados, voltados para o estímulo a essa cultura de empreendedorismo.

 

intraempreendedorismo nas empresas

 

Alguns obstáculos para o intraempreendedorismo nas empresas

Como sabemos, utilizar a própria força interna para estimular o crescimento dos negócios é uma prática, no mínimo, sensata. Porém, nem sempre essa é uma tarefa simples, pois diversos desafios são impostos à liderança que deseja estimular o potencial intraempreendedor de seus funcionários.

Veja alguns desses desafios, e como superá-los:

 

Sentimento geral de insatisfação ou estagnação da empresa

Esse é, sem dúvidas, um dos maiores inimigos da inovação empresarial, e consequentemente do intraempreendedorismo.

Quando toda a empresa sofre com o impacto de resultados negativos constantes, com um clima organizacional ruim, ou mesmo com a apatia diante de desafios que precisam ser superados, o solo propício para o nascimento da inovação não parece muito fértil. Nesse cenário é comum que todo o potencial intraempreendedor seja muito pouco aproveitado ou completamente desperdiçado.

A solução para mudar essa realidade é buscar mudanças internas que visem a reestruturação e reinvenção da empresa como um todo. Esse pode não ser um trabalho simples, principalmente para gestores que já estão completamente absorvidos pela rotina massacrante da empresa; nesses casos, o mais indicado é trazer o olhar especializado de uma empresa de consultoria empresarial, que poderá apontar e implementar melhorias que estimulem uma mudança radical em diversos aspectos da organização.

Buscar por uma consultoria de transformação é altamente indicado para empresas que precisam repensar sua cultura, suas estratégias, ações e sua comunicação, criando assim um ambiente mais apropriado para o estímulo constante do intraempreendedorismo.

 

Não ter uma estrutura propícia para implementação do intraempreendedorismo

Simplesmente comunicar aos funcionários que a partir de agora eles podem sugerir novos negócios e iniciativas não é o suficiente. O intraempreendedorismo nas empresas deve estar alinhado, sobretudo, ao planejamento estratégico empresarial. Esse é o chamado intraempreendedorismo com propósito.

Cabe à empresa oferecer o planejamento e estrutura necessários para a implementação dessa nova cultura. Todos os colaboradores devem ser orientados sobre o empreendedorismo, quais são as expectativas da empresa, quais serão as ferramentas disponibilizadas e como isso fará parte da rotina organizacional.

 

Não dar autonomia aos intraempreendedores

Muitos gestores estão acostumados a ter total controle sobre os processos e tudo o que está sendo desenvolvido. De fato, esse é um mecanismo tradicional do funcionamento das empresas, mas é praticamente oposto ao que o intraempreendedorismo fomenta.

O controle excessivo dos líderes, burocracias, regras engessadas e demais componentes dessa cultura impactam negativamente o potencial criativo e ágil do intraempreendedor.

Esse profissional deve sentir que está sendo orientado, e não controlado. Isso significa dizer que o papel da liderança é simplesmente atuar como um facilitador, garantindo a autonomia necessária ao profissional para que este continue engajado e motivado a vestir a camisa da empresa.

 

Não entender que o intraempreendedorismo é apenas parte de uma cultura de inovação

Como dissemos anteriormente, o intraempreendedorismo não deve ser entendido como um evento isolado dentro da empresa. Para que ele dê frutos e seja uma ferramenta eficaz de inovação corporativa, é preciso estimular uma cultura de intraempreendedorismo, uma cultura de inovação.

Essa cultura deve ser cultivada através de um processo de planejamento que envolva todos os níveis corporativos, permitindo um mecanismo permanente de criação e desenvolvimento de ideias inovadoras. Para isso, ter uma visão clara de onde se quer e por que se quer inovar é de suma importância.

 

Não é tarde para estimular o intraempreendedorismo na sua empresa

 

O intraempreendedorismo nas empresas é um trabalho contínuo, que precisa ser planejado e bem estruturado para trazer resultados consistentes – mas, nunca é tarde para começar a implementar uma nova cultura de inovação em uma empresa!

Contar uma consultoria empresarial especialista em transformar e inovar negócios pode ser o que você precisa para reter e atrair cada vez mais intraempreendedores, e consequentemente alcançar cada vez mais resultados positivos.

A Redesign Consultoria de Transformação é uma empresa que está preparada para ajudar executivos e gestores a criarem um novo olhar sobre a forma de criar e operar iniciativas. Se você quer revelar e estimular todo o potencial inovador da sua equipe interna, entre em contato conosco e nos pergunte como. Vamos ajudá-lo a transformar a sua empresa!

Compartilhar:

Facebook Twitter LinkedIn G+